Você sabia que  o Código de Trânsito Brasileiro tem regras específicas para o transporte de carga em veículos não específicos? Fique ligado, pois o não cumprimento delas pode gerar multas e dores de cabeça.

A primeira regra de ouro é: a carga total não deve ultrapassar os limites do carro.

Em relação à altura, a carga pode ultrapassar até apenas 50 centímetros da altura do veículo. Já o peso da carga não pode exceder o que está estipulado no manual do veículo pela sua montadora.

Quando as regras são desrespeitadas, os ocupantes do veículo em questão correm grande perigo, já que a segurança é colocada em risco.

Caso a lei seja desrespeitada e o motorista for pego em flagrante, a multa é de R$195,23 por infração grave, além de cinco pontos na carteira.

Quando o peso da carga é maior do que está especificado no manual do veículo, os pneus são sobrecarregados, podendo desalinhar e desbalancear o carro. Por conta disso, a velocidade também será reduzida e, se estiver trafegando em rodovias ou autovias, pode causar acidentes gravíssimos.

Já em caso da carga ultrapassar a altura máxima permitida em carros de passeio (50 centímetros), podem acontecer acidentes em túneis, portões, árvores e fiações elétricas, além de prejudicar a visão de outros veículos no tráfego.

PENSE COLETIVO! Consciência no trânsito!